Acusado do tráfico de drogas foi morto a tiros dentro de uma casa em Caririaçu

Homicídio no Cariri

Doze dias após e um novo homicídio foi registrado em Caririaçu se constituindo no 12º desse mês de julho na região do Cariri. Por volta das 21 horas o ex-presidiário José Gomes da Silva, de 54 anos, que residia na Rua do Ferreiro, 101 (Pernambuquinho), foi morto a tiros na cabeça dentro de uma casa no imóvel número 53 da mesma via perto da praça do bairro.

Segundo testemunhas, dois homens chegaram num veículo de características não identificadas quando bateram à porta chamando pelo mesmo. No momento em que “Zé Gomes” abriu a janela foi surpreendido com vários no rosto e, posteriormente, no tórax tombando sem vida na sala da casa. Ele tinha várias passagens pela polícia por crimes de trafico de drogas, lesão corporal e violência domestica. Uma patrulha comandada pelo Sargento Silva esteve no local e até fez diligências, mas ninguém foi preso.

Este foi o segundo homicídio do mês de julho em Caririaçu e o sexto do ano no município ou 54,54% em relação aos onze assassinatos registrados no decorrer do ano passado. O outro deste mês foi no dia 5 de julho quando o ex-presidiário Julio Almeida da Silva, de 20 anos, o “Nego Cinza”, foi morto a tiros de pistola perto de sua casa na Rua Francisco Félix Cardoso, 162 (Bairro Palestina) para onde seguia. Ele respondia vários crimes de arrombamentos desde a menoridade e um caso de violência doméstica.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Comentários
Carregando...