Jovem de 23 anos foi morto a tiros na cabeça na Praça Padre Cícero em Milagres

Homicídio no Cariri

Lucas foi lesionado a tiros na cabeça e morreu no local (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Um mês e 11 dias após novo homicídio foi registrado no município de Milagres. Por volta das 18 horas desta sexta-feira, na Praça Padre Cícero perto da antiga rodoviária da cidade, o ex-presidiário Lucas de Sousa Pereira, de 23 anos, que residia no Sítio Cabaceiras de Baixo na zona rural de Milagres, foi morto a tiros. No local, a polícia não conseguiu informações sobre a autoria já que populares disseram ter ouvido apenas cinco estampidos de arma de fogo e a vítima alvejada com três tiros na cabeça.

O jovem morreu no local e teve o corpo recolhido pelo rabecão para ser necropsiado no Instituto Médico Legal (IML) de Juazeiro. Um Inquérito Policial que o indiciou por crime de roubo foi protocolado no dia 14 de outubro de 2013 na Comarca de Missão Velha tendo como vítima Marcelo dos Santos Sousa. Dez dias após a justiça relaxou sua prisão por excesso de prazo na formação da culpa já que o Ministério Público tinha solicitado a realização de novas diligências.

Este foi o primeiro homicídio do mês de junho em Milagres e o quinto de 2017 no município, onde, no ano passado, quatro pessoas tombaram mortas. O último deste ano tinha ocorrido no dia 5 de maio quando o ex-presidiário Pedro Irineu Bezerra Neto, de 36 anos, o “Pedrim de Seu Joaquim” que residia na Rua Rita Pereira Leite (Bairro Francisca do Socorro), foi morto a tiros na estrada de acesso ao Sítio Olho D’água da Igreja. Ele respondia por um crime de homicídios, lesão corporal e furto.

Num intervalo de uma semana sete homicídios foram registrados no Cariri, sendo dois em Juazeiro, outros dois em Jardim e os demais em Campos Sales, Crato e Milagres. No último Sábado foram mortos Cosmo da Silva Joventino, de 27, em Campos Sales; Otácío do Nascimento Teles, de 17, em Crato e Francisco José Henrique da Silva, de 35, em Jardim. Segunda-feira, Moacir Lourenço de Souza, de 54, em Jardim. Terça-feira, Francisco Pereira de Sousa, de 48, e, na quinta, Rafael David Guedes dos Santos, de 19 anos, ambos em Juazeiro.

Fonte Site Miséria
Texto Demontier Tenório

Receba atualizações em tempo real diretamente no seu celular ou computador, inscreva-se agora.

Carregando...