Chapecoense vence e Vasco segue sem pontuar fora de casa no Brasileiro

Na Arena Condá (SC)

0 114
Vasco perdeu para a Chape por 2 a 1 (Foto: Carlos Gregório Jr/ Vasco.com.br)

Com um golaço do atacante Arthur, a Chapecoense venceu o Vasco por 2 a 1, na noite desta quarta-feira, na Arena Condá (SC), e se recuperou após duas derrotas no Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o Cruzmaltino segue sem pontuar atuando fora de seus domínios na competição.

Forte no Rio de Janeiro, os cariocas terão a chance de subir na tabela com a sequência de três jogos na cidade, sendo Avaí e Atlético-GO em São Januário e o clássico com o Botafogo, no Engenhão.

Golaço!

Aos 16 minutos do segundo tempo, Arthur limpou o lateral direito Gilberto e soltou a bomba da intermediária. A bola morreu onde a coruja dorme. Que golaço do atacante da Chape!

O melhor – Martín Silva

Aos 9 minutos do segundo tempo, Martín Silva demonstrou o motivo pelo qual é tão idolatrado pela torcida. Ele fez duas grandes defesas em sequência em chutes de Luiz Antônio e Arthur. Posteriormente, ajudou bastante o Vasco a não sofrer outros gols.

Primeiro gol fora

O Vasco fez seu primeiro gol fora de casa neste Campeonato Brasileiro. O time havia passado em branco contra Palmeiras e Grêmio.

Alan chora

O jovem Alan, de apenas 19 anos, havia sido a aposta do técnico Milton Mendes para a partida. Lateral esquerdo de origem, ele foi escalado no meio de campo e acabou não rendendo o esperado. Levou um cartão amarelo logo no início e em outros dois lances a Chapecoense pediu uma nova advertência ao garoto. Temendo que Alan fosse expulso, o treinador o sacou aos 25 minutos do primeiro tempo e ele desabou em lágrimas. Milton ainda tentou conversar ao pé do ouvido, mas o garoto deu as costas e se dirigiu ao banco de reservas.

Efeito suspensivo

O zagueiro Victor Ramos e o lateral esquerdo Reinaldo, da Chapecoense, haviam sido suspensos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD), por conta da confusão contra o Cruzeiro na Copa do Brasil. Porém, a diretoria catarinense entrou com um pedido de efeito suspensivo que foi aceito. Desta forma, a dupla pôde estar em campo contra o Vasco.

Ação do sócio-torcedor

Assim como já havia feito em outros jogos fora, o Vasco recebeu sócios-torcedores em sua concentração e utilizou os jogadores para fazerem a entrega das carteirinhas:

CHAPECOENSE 2 X 1 VASCO

Local: Arena Condá, em Chapecó (SC)
Hora: 21h45 (horário de Brasília)
Árbitro: Jailson Macedo Freitas – BA (CBF)
Auxiliares: Alessandro A. Rocha de Matos – BA (FIFA) e Elicarlos Franco de Oliveira – BA (CBF)
Cartões amarelos: Rossi (CHA); Alan, Henrique (VAS)
Cartões vermelhos: Nenhum
Gols: Andrei Girotto, aos 28 minutos do primeiro tempo (CHA); Jean, aos 40 minutos do primeiro tempo (VAS); Arthur, aos 16 minutos do segundo tempo (CHA)

Chapecoense
Jandrei; Apodi, Luiz Otávio, Victor Ramos e Reinaldo (Diego Renan); Andrei Girotto, Luiz Antonio e Seijas (Neném); Rossi (Osman), Arthur e Wellington Paulista
Técnico: Vagner Mancini

Vasco
Martín Silva, Gilberto, Breno, Paulão e Henrique; Jean, Douglas, Wellington (Manga Escobar), Mateus Vital (Caio Monteiro) e Alan (Andrezinho); Nenê
Técnico: Milton Mendes

Fonte UOL Site Miséria
você pode gostar também