Em jogo ruim, Fortaleza perde para Moto Club por 1 a 0 fora de casa

Série C

Com o resultado, o Fortaleza já acumula três jogos sem vencer na Série C (Foto: Honório Barbosa/Diário do Nordeste)
Com o resultado, o Fortaleza já acumula três jogos sem vencer na Série C (Foto: Honório Barbosa/Diário do Nordeste)

O roteiro do jogo parecia tranquilo. O Fortaleza enfrentava o Moto Club/MA, penúltimo colocado do Grupo A, que só havia vencido uma única partida na Série C. No entanto, jogando fora de casa, o Tricolor apresentou dificuldades e foi derrotado por 1 a 0 para o time maranhense no Castelão/MA, em jogo válido pela nona rodada do Grupo A. O único gol do confronto foi de Vinicius Paquetá aos 30 minutos da etapa inicial, após bate-rebate na área.

O resultado liga o sinal de alerta no Tricolor do Pici, que novamente oscilou dentro de campo. O time treinado por Paulo Bonamigo chega ao terceiro jogo sem vitória e, mesmo permanecendo na segunda posição, com 14 pontos, pode acabar a rodada em quarto colocado, já que as demais partidas do Grupo A ainda irão acontecer. Por outro lado, o triunfo foi muito positivo para o Moto Club/MA, que estava sem vencer há cinco jogos. O Papão permanece na zona da degola, nona posição, mas agora soma oito pontos ganhos e se afasta da lanterna.

Jogo

As duas equipes precisavam muito do resultado positivo. A primeira chance de gol foi dos donos da casa, aos 5, em cabeçada Felipe Dias que passou por cima da meta tricolor.

Passado o susto, o Fortaleza começou a dominar as ações da partida e impor sua maior qualidade técnica. Aos 18, Leandro Cearense roubou a bola de Felipe Dias dentro da área e chutou fraco, para defesa simples do goleiro Márcio.

O arqueiro do Papão ainda voltou a trabalhar aos 25 da etapa inicial em cabeçada de Ligger, após cobrança de escanteio, principal arma do Leão. No entanto, a bola parada também foi usada pelo adversário e, em vacilo da defesa cearense, Vinicius Paquetá aproveitou um bate-rebate na área e chutou no cantinho para vencer Matheus Inácio e abrir o marcador aos 30 minutos.

O tento deixou o time tricolor nervoso e proporcionou mais movimentação por parte das equipes. Investindo na bola área, o Fortaleza não criava chances claras de gol, enquanto o Moto Club crescia na partida e apostava nos contra-ataques, mas nada que pudesse ampliar o marcador foi construído.

Na segunda etapa, os donos da casa voltaram melhor e ditaram o ritmo do jogo. Já no primeiro minuto, Galego finalizou firme para boa defesa de Matheus Inácio. E assim, o cenário permaneceu. Um Fortaleza apático diante de um Moto Club com muita vontade de vencer. O Tricolor até criou duas boas oportunidades, com Bruno Melo, aos 15, e Rodrigo Mancha, de cabeça, após cruzamento de Ronny aos 23 da etapa final. Todavia, o goleiro Márcio se quer foi acionado. No final, o 1 a 0 em São Luís-MA foi conquistado com justiça pelo Papão.

Próximos jogos

O próximo adversário do Leão do Pici é domingo (16) contra o Remo, às 18h, no Presidente Vargas. Enquanto isso, o Moto Club/MA pega o Sampaio Corrêa, clássico maranhense, um dia antes do Fortaleza, no sábado (15), às 18h, no mesmo Castelão, em São Luís, no Maranhão.

Desfalque inusitado

Pouco antes da partida, o Fortaleza Esporte Clube anunciou que o volante Anderson Uchôa não iria participar do confronto contra o Moto Club. Motivo: o atlea fez uso de um medicação para uma afta que continha substâncias não permitidas pelo Regulamento de Controle do Doping da CBF. O mais curioso no caso é que Welington Reis – jogador que o substituía – foi convocado no sorteio para o exame antidoping ao término do jogo.

Fonte Diário do Nordeste
Carregando...